Gol é condenada a indenizar passageira de Goiânia por atraso de quase 30 horas para conclusão de viagem

A empresa das linhasaérias Gol foi condenada a indenizar passageira em R$7 mil, a título de danos morais, devido a atraso e cancelamento de voo. A consumidora foi reacomodada em outra aeronave apenas no dia seguinte ao da viagem. Deste trageto ela demorou cerca de 30 horas até chegar ao seu destino.
A sentença foi homologada pelo juiz Éder Jorge, do 8º Juizado Cível de Goiânia.

Acompanhe a matéria completa com Vinícius Silva:

ouça ao vivo